You are here

Glossário

A | B | C | D | E | F | G | H | I | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V
  • formação de formadores

    Definição: 

    Formação teórica ou prática destinada aos formadores.

    Nota: 

    a formação de formadores:

    • dirige-se a docentes ou formadores em exercício ou em formação (formadores profissionais) ou a profissionais de um determinado setor que instruem o aprendente no seu local de trabalho (docentes ou formadores ocasionais);
    • abrange um vasto leque de competências: competências específicas do setor em causa (gerais, técnicas ou científicas), competências psicológicas, pedagógicas e sociológicas, competências de gestão, conhecimento do mundo do trabalho, conhecimento dos programas de formação e dos públicos destinatários;
    • engloba igualmente formação relativa à conceção, organização e implementação dos cursos, bem como ao conteúdo da própria atividade de formação, ou seja, à transmissão de conhecimentos teóricos e práticos e de competências.
    Fonte: 
    Cedefop, 2004.
  • formação em alternância

    Definição: 

    Períodos alternados de ensino ou formação realizados num estabelecimento de ensino ou centro de formação e no local de trabalho. A alternância pode ocorrer numa base semanal, mensal ou anual. Dependendo do país e da legislação aplicável, os participantes podem estar contratualmente vinculados ao empregador ou receber uma remuneração.

    Nota: 

    o sistema dual alemão é um exemplo de formação em alternância.

    Fonte: 
    Cedefop, 2008.
  • formação fora do local de trabalho

    Definição: 

    Formação profissional realizada fora do local de trabalho. Encontra-se geralmente integrada num programa completo de formação, combinado com uma componente de formação em situação de trabalho.

    Fonte: 
    adaptado de Unesco, 1979.
  • formação no local de trabalho

    Definição: 

    Formação realizada no local de trabalho. Pode constituir por si só um programa de formação ou ser combinada com uma componente de formação fora do local de trabalho.

    Fonte: 
    adaptado de Unesco, 1979.
  • formador

    Definição: 

    Pessoa que exerce uma ou várias atividades ligadas à função de formação (teórica ou prática), seja num estabelecimento de ensino ou de formação ou no local de trabalho.

    Nota: 
    • existem duas categorias de formadores:,-formadores profissionais:
      • especialistas em formação cuja função pode assemelhar-se à de um professor num estabelecimento de formação profissional;
      • formadores ocasionais: profissionais em vários domínios que, no âmbito da sua atividade profissional, asseguram pontualmente a função de formador, quer a nível interno numa empresa (como mentores ou tutores de novos colaboradores e aprendentes ou como formadores), quer a nível externo (oferecendo ocasionalmente os seus serviços num estabelecimento de formação);
    • o formador é chamado a assegurar diferentes funções:
      • conceção da ação de formação;
      • organização e implementação da ação de formação;
      • prestação efetiva da formação (transmissão de conhecimentos, capacidades e/ou competências);
      • ajuda aos formandos no desenvolvimento das suas competências através de instruções, comentários e conselhos ao longo de todo o processo de aprendizagem.
    Fonte: 
    Cedefop, 2004; AFPA 1992.
  • fosso digital / gap digital

    Definição: 

    A distância que, no conjunto da população, separa aqueles que podem aceder e utilizar eficazmente as tecnologias da informação e da comunicação (TIC) dos que a elas não têm acesso.

    Fonte: 
    Cedefop, 2008.